quarta-feira, 16 de março de 2011

Haja luz: um propósito específico de Deus

Gênesis 1:1-2
Filipenses 2:15
  
A palavra luz é oriunda do hebraico (or) e possui o significado de luz, claridade, alvo. O cenário descrito em gênesis nos mostra um caos, uma desorganização, um a ausência de vida total, entre outros aspectos.
   Se observarmos, hoje, a situação da terra a nossa volta (sociedade em geral) perceberemos a ausência de uma organização moral, também, enxergaremos a ausência de valores e princípios norteadores de uma sociedade que se julga igualitária, veremos o caos instalado sobre as nações. A Bíblia nos diz em Mt 4:16ª “o povo que estava assentado sobre as trevas” ou seja, acomodado e mergulhado sobre o caos, sem perspectiva, sem sonhos e sem visão. E por muitas vezes este caos derruba os muros de grandes ministérios e de igrejas instalado as trevas naquilo que outrora refletiu luz.   
  Às vezes fico me perguntando o que nós (filhos de Deus) temos refletido em meio a uma situação como esta? O que a igreja tem mostrado nos dias atuais? que luz precisamos refletir? Perguntas como estas hoje prefiguram a nossa realidade. A bíblia diz que o Senhor nos resgatou do reino das trevas e nos transportou para o reino do filho do seu amor. A bíblia diz também que somos feitos filhos de Deus e imagem e semelhança sua. Será que nos como imagem temos refletido verdadeiramente sua imagem e semelhança?
   O haja luz de gênesis nos mostra muito mais do que uma incandescência de luz, o haja luz nos revela Jesus, o surgimento dos céus, a glória do senhor e a existência da vida. A Bíblia nos revela em João 1:4 e 5 que a vida estava nele e a vida era a luz dos homens,  e a luz resplandece nas trevas e  as trevas não a compreendem. A luz precisa brilhar sobre as trevas, a santidade precisa apagar o desejo pelo pecado.
Três princípios que aprendemos com haja luz
     A existência de um ambiente perfeito: A intenção primeira de Deus era criar um ambiente onde homem e Deus  pudessem conversar face a face, assim como um amigo fala a outro.  Um lugar onde o homem poderia levantar um altar de adoração e súplica, um lugar de santidade. Em Gênesis 2 fala da criação de um jardim chamado edem que no original significa lugar de delícias. Diante disso uma pergunta surge onde está este lugar? Onde esta o homem amigo de Deus? Em  Jo 15.15 diz: não vos chamo de servo, porque o servo não sabe a vontade do seu senhor, mas vos chamo amigos  pois tudo o eu o pai me revelou tenho feito conhecido por vós.  
   O gerar vidas: Precisamos gerar vidas, precisamos ser sedentos por almas. A bíblia diz que todo o ramo que não produz frutos é lançado fora. Jesus é a videira, nos somos os seus ramos, a sua imagem, somos amigos de Deus, então o que falta para gerarmos frutos? Onde está o erro?  Talvez esteja no amor ao próximo, próximo esse que interpretamos erroneamente. A luz presente na criação é sinônima de vida, em Matheus Jesus nos chama de sal da terra e luz deste mundo. Vida, vida, vidas... Lucas 11: 36  Se, portanto, todo o teu corpo for luminoso, sem ter qualquer parte em trevas, será todo resplandecente como a candeia quando te ilumina em plena luz.  Uma coisa é necessária achar graças aos olhos de Deus.
  Haja luz: Em efésios 5.8b diz que nós devemos andar como filhos da luz, e no verso 9 assim fala: porque o fruto da luz consiste em toda bondade, e justiça, e verdade . Se nós observarmos estes são princípios do reino de Deus. Em I Pedro 2.9 diz: Vós, porém, sois raça eleita, sacerdócio real, nação santa, povo de propriedade exclusiva de Deus, a fim de  proclamardes as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz..
 
Conclusão
  Precisamos evidenciar essa luz, precisamos levantar esse altar de santidade e de adoração. A multidão viu uma grande luz a brilhar, a multidão enxergou Jesus e a sua mensagem que lhes garantia o reino da luz. O reino de Deus (Mt 4:16-17).Precisamos refletir essa luz que arde em nossos corações, precisamos fazer queimar esse fogo  que reside em nosso peito. O profeta Jeremias no capítulo 20.9 chega a dizer que não falaria mais no nome de Deus, mas o senhor e a sua palavra era mais forte, e esse desejo queimava ao ponto de serrar os ossos de Jeremias..ha um plano maior pra todos nós, a uma cidade preparada para os eleitos, os santos, os fiéis e esta cidade diz apocalipse que esta cidade não precisará nem de sol, nem de lua porque a gloria do senhor resplandecerá e cordeiro será a sua lâmpada. Profetize haja luz

Pr. Eugenio Serlam


Nenhum comentário:

Postar um comentário