quinta-feira, 12 de julho de 2012

Geração marcada pelas promessas

  "Porque a palavra da promessa é esta" Rm 9;9a


   Uma geração está sendo edificada sobre os alicerces da palavra de Deus, um povo fiel que exala, assim como a noiva, o bom perfume de Cristo, geração que vive intensamente as marcas da promessa. Com esta definição e tendo no âmago de nossas almas o conceito de liberdade que realizamos o nosso segundo encontro de células que teve como tema central: Recebendo as marcas da promessa.
    No livro de Atos 2;39 diz “porque a promessa vos diz respeito a vós, a vossos filos e a todos os que estão longe: a tantos quanto o Senhor chamar”. Temos a certeza que ainda estamos semeando a boa semente, regando com cuidado cada vida que o senhor nos tem acrescentado, mas, também, temos a convicção de que as promessas do Senhor continuam vivas em nosso coração, queimando cada vez mais forte.
    A promessa ela esta estabelecida sobre a ação da igreja, marcando cada vida, cada coração que estiver sendo chamado pelo Pai. A marca da promessa atinge todas as esferas que constituem o homem, alma, corpo e espírito. E o que estamos evidenciando no meio desta geração é um amor e uma entrega tão profunda que contagia todos aqueles que estão perto de nós. Assim fazemos viva a palavra da promessa que fala ao nosso respeito, alcança os nossos filhos, reflete naqueles que estão longe e captura os que estão sendo chamados por Deus.
  Tão profunda e impactante a marca da promessa. Podemos, hoje, não ser uma grande nação, mas corremos em direção a esta promessa com um coração cada vez mais apaixonado. A todos aqueles que foram e estão sendo marcados pela promessa de Deus, jamais deixem esfriar o “fogo ardente” que existe em vós.
     Geração eleita, geração marcada pela promessa, filhos da aljava, ligeiros como a flecha polida jamais desistam, nunca desanimem, nem parem diante de vossas dificuldades, enfrentem os gigante, declarem as promessas, grite pela vitória e sejam sempre casa de Deus.
Pr. Eugenio Serlam
  

Nenhum comentário:

Postar um comentário